ED68 - Renault

SEGUNDA PARTE DA PROVA FOI EM INTERLAGOS/SP



Após acidente a 270 km/h de Denis Dirani no shakedown, Porsche cancela segunda parte da rodada dupla na etapa lusitana. Interlagos recebeu a corrida adiada

Vitor Baptista, na 4.0, e Enzo Elias, na 3.8, venceram as primeiras corridas do dia. Na GT3 4.0 e 3.8 triunfaram, respectivamente, Sylvio de Barros e Fran Lara. Falha nos freios fez Dennis Dirani, piloto-consultor, varar barreira de pneus em acidente espetacular, sem maiores gravidades para o piloto. A organização trabalhou nos reparos e adiou a prova para dia 21 de setembro, em Interlagos/SP.

O ACIDENTE

Dennis Dirani, piloto-consultor da categoria, realizava o shakedown de um dos carros (teste de verificação) após as primeiras corridas, quando sofreu uma falha nos freios no fim da reta dos boxes, atravessou a área de escape e a barreira de pneus, e danificou o guard rail. Apesar das imagens impressionantes, Dennis saiu andando do carro, mas a barreira de proteção ficou muito danificada. A organização da categoria convocou uma empresa homologada para fazer os reparos no local. Com isso, as duas corridas restantes da 4.0 e da 3.8 foram canceladas.

Denis Dirani escapou ileso


Coletta e Werner vencem na 4.0 Felipe Baptista e Iorio triunfam na 3.8

A penúltima etapa do campeonato de sprint da Porsche Império Carrera Cup teve emoção de sobra em Interlagos. Foram quatro vencedores diferentes na etapa, marcada por troca de liderança da Carrera Cup 3.8 em favor de Felipe Baptista e definição de seu irmão Vitor Baptista como o indicado brasileiro para a fase global da seletiva do Porsche Junior Program. Pela GT3 Cup 4.0, Maurizio Billi ficou com as duas vitórias, enquanto estreante Lucas Salles venceu a primeira da 3.8 com Fran Lara prevalecendo na segunda; todos os títulos ficam para a preliminar da F1


DENER PIRES

O que importa é a segurança “Nós estávamos checando o carro e aconteceu esse problema. O guard rail acabou ficando danificado com a batida e assim não podemos realizar a corrida. Ele funciona como uma almofada e acaba dobrando quando há o impacto, justamente para absorver a energia do carro. Só que, uma vez danificado, ele não suportaria uma próxima batida. O show é importante, mas a segurança é muito mais. Uma empresa especializada fez o reparo e as outras provas serão realizadas dia 21 de setembro, em Interlagos. O mais importante é ter 100% de segurança. O Dennis só está aqui inteiro por que todas as normas de segurança foram obedecidas”.

Dener Pires, promotor da Porsche

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba novidades..